sanduba de carne moída agridoce (serve 3 pessoas comendo bastante, ou 4 comendo trank) - adaptado do maravilhoso 300sandwiches.com

ontem a maravilhosa internet me deu este blog de presente. pirando e lendo ele do início ao fim, selecionei 2 sanduíches (depois de umas 100 abas) e pedi a opinião dos incríveis feicers sobre qual fazer para o jantar. esse de carne moída ganhou de lavada! mas já até comprei os ingredientes pro segundo selecionado, que logicamente postarei aqui depois ;)

minha amiga luiza me acompanhou na cozinha e fizemos a adaptação mais bem sucedida de todos os tempos. não tenho assim muuuita certeza nas quantidades, mas essa é pra ser assim mesmo: FREESTYLE! por isso, prove e vá acertando os temperos conforme seu gosto. o importante é ser salgado, doce, apimentado e azedinho ao mesmo tempo \o/

ingredientes:
- 3 a 4 pães de hambúrguer (eu usei o pão francês integral do hortifruti, tava sensa)
- 500g de carne moída (eu usei patinho light)
- 2 dentes de alho picado - aprendi com meus amigos mestre-cucas que a boa é tirar aquela meiuca do alho, o que eficientemente faz com que a gente não fique arrotando alho a noite inteira, sabe?
- meia cebola roxa grande picada
- uns 3 ramos de cebolinha picada
- 1/4 de xícara de shoyu
- 3 colheres de sopa de açúcar mascavo
- 1 colher de copa de molho de tomate
- 1 colher de sopa de chilli em pó
- 1 limão
- azeite para refogar
- sal e pimenta-do-reino a gosto
* a receita original leva gengibre, mas eu cortei porque eu não gosto. caso curta, pode incluir 1 colher de sopa dele picado no refogado
* a receita original também tem água, mas achamos desnecessário já que a carne já tinha soltado bastante água.

preparo:
- preaqueça o forno a 230º.
- em uma panela antiaderente (no meu caso, na wok) refogue o alho, a cebola e a cebolinha em um pouco de azeite e tempere com sal. quando a cebola estiver quase transparente, adicione a carne moída.
- amasse e misture bem com uma espátula, para a carne ficar bem trituradinha.
- abra os pães, coloque um pouco de azeite e leve ao forno em uma assadeira.
- quando a carne já estiver cozida, bem marronzinha, o que leva em torno de 10 minutos, inclua o shoyu, o açúcar e o molho de tomate.
- misture bem, prove para acertar os temperos, e inclua o chilli e o limão espremido. prove novamente, faça os últimos retoques e pode desligar o fogo.
- coloque porções generosas no seu pão e seja feliz. :)

que molho de tomate é esse!! 🙅 (em Norkastro’s)

que molho de tomate é esse!! 🙅 (em Norkastro’s)

sucre à la crème (uns 60 quadradinhos pequenos)só pra dar uma contextualizada, todos os sábados de manhã eu faço aula de francês na école québec. hoje, só eu podia ir na aula, além da professora, então tive uma aulinha especial, bem a minha cara: culinária en français! hahabom, fizemos uma receita de um doce bastante típico no québec, principalmente em festas como o natal: sucre à la crème. basicamente é como se fosse um caramelo. muuuuito açúcar e, consequentemente, muita alegria hahahaingrédients:- 2 xícaras de açúcar mascavo- 5 colheres de sopa de manteiga sem sal- 2/3 de xícara de leite condensado- 2 xícaras de açúcar de confeiteiropréparation:- em uma panela no fogão, derreta a manteiga com o açúcar mascavo, e mexa bem. quando já estiver líquido, inclua o leite condensado.- depois que tudo estiver bem incorporado, deixe ferver. diminua o fogo e mexa sempre, por exatamente 5 minutos. deixe sempre a mistura fervendo, se parar de ferver, aumente o fogo novamente.- depois dos exatos 5 minutos, retire do fogo e inclua o açúcar de confeiteiro.- bata na batedeira por em torno de 2 minutos, de modo que a mistura fique bem consistente e sem bolotas de açúcar. nós batemos na munheca mesmo. sinistras!- derrame a mistura em uma assadeira média (untada com manteiga), de mais ou menos 20 x 30 cm.- cubra com papel filme e leve à geladeira.- depois de mais ou menos 1 hora, retire da geladeira e corte em pequenos quadrados. aí é só ser feliz!!* como sobrou um pouco de leite condensado, ainda fizemos um pouquito de brigadeiro branco. sim, tive um sábado de manhã deveras gordinho! hahaha 

sucre à la crème (uns 60 quadradinhos pequenos)

só pra dar uma contextualizada, todos os sábados de manhã eu faço aula de francês na école québec. hoje, só eu podia ir na aula, além da professora, então tive uma aulinha especial, bem a minha cara: culinária en français! haha

bom, fizemos uma receita de um doce bastante típico no québec, principalmente em festas como o natal: sucre à la crème. basicamente é como se fosse um caramelo. muuuuito açúcar e, consequentemente, muita alegria hahaha

ingrédients:
- 2 xícaras de açúcar mascavo
- 5 colheres de sopa de manteiga sem sal
- 2/3 de xícara de leite condensado
- 2 xícaras de açúcar de confeiteiro

préparation:
- em uma panela no fogão, derreta a manteiga com o açúcar mascavo, e mexa bem. quando já estiver líquido, inclua o leite condensado.
- depois que tudo estiver bem incorporado, deixe ferver. diminua o fogo e mexa sempre, por exatamente 5 minutos. deixe sempre a mistura fervendo, se parar de ferver, aumente o fogo novamente.
- depois dos exatos 5 minutos, retire do fogo e inclua o açúcar de confeiteiro.
- bata na batedeira por em torno de 2 minutos, de modo que a mistura fique bem consistente e sem bolotas de açúcar. nós batemos na munheca mesmo. sinistras!
- derrame a mistura em uma assadeira média (untada com manteiga), de mais ou menos 20 x 30 cm.
- cubra com papel filme e leve à geladeira.
- depois de mais ou menos 1 hora, retire da geladeira e corte em pequenos quadrados. aí é só ser feliz!!

* como sobrou um pouco de leite condensado, ainda fizemos um pouquito de brigadeiro branco. sim, tive um sábado de manhã deveras gordinho! hahaha 

sopa de capeletti (serve 4 pessoas como prato principal. se for entrada, serve umas 6 ou mais!)ontem fui jantar na casa dos meus pais, e tava aquele friozinho delícia que todos não param de falar. eles voltaram há pouco de uma viagem pelo sul, e desde que chegaram estavam querendo fazer uma sopinha de capeletti, bem costumeira por aqueles lados, principalmente como entrada. dei uma catada na internet de receita, mas não achei nenhuma que curti e, sinceramente, não tem muito erro. super simples e rápida! o auge da comfort food invernal, gente, sério mesmo! quentinha, gostosa, aquela vibe canjinha de galinha, só que mais maravilhoso ainda!!ingredientes:- 4 dentes de alho picados ou amassados- 1 cebola picada- salsa e cebolinha a gosto picada- 2 coxas grandes de frango (pode ser peito também, ou a parte que você tiver)- 2 litros de água (ou caldo de legumes caseiro, dá um plus no gostinho)- 1 pacote de capeletti recheado (o clássico é recheado de frango, mas pode escolher da sua preferência. normalmente, o de frango combina com caldo de frango, o de carne combina com caldo de carne, e assim sucessivamente)- sal e pimenta-do-reino a gostopreparo:- refogue o alho e a cebola com a salsa e a cebolinha, sal e pimenta.- inclua o frango e refogue.- adicione 2 litros de água. tampe deixando um pedacinho aberto, e cozinhe por 25 minutos.- prove para corrigir os temperos.- retire os pedaços de frango (ou não, se preferir, pode picar o frango e deixar na sopa!) e coloque o capeletti. cozinhe pelo tempo do pacote.- está pronta! sirva bem quentinha, com queijo ralado e mais pimenta-do-reino, se curtir. 

sopa de capeletti (serve 4 pessoas como prato principal. se for entrada, serve umas 6 ou mais!)

ontem fui jantar na casa dos meus pais, e tava aquele friozinho delícia que todos não param de falar. eles voltaram há pouco de uma viagem pelo sul, e desde que chegaram estavam querendo fazer uma sopinha de capeletti, bem costumeira por aqueles lados, principalmente como entrada. dei uma catada na internet de receita, mas não achei nenhuma que curti e, sinceramente, não tem muito erro. super simples e rápida! o auge da comfort food invernal, gente, sério mesmo! quentinha, gostosa, aquela vibe canjinha de galinha, só que mais maravilhoso ainda!!

ingredientes:
- 4 dentes de alho picados ou amassados
- 1 cebola picada
- salsa e cebolinha a gosto picada
- 2 coxas grandes de frango (pode ser peito também, ou a parte que você tiver)
- 2 litros de água (ou caldo de legumes caseiro, dá um plus no gostinho)
- 1 pacote de capeletti recheado (o clássico é recheado de frango, mas pode escolher da sua preferência. normalmente, o de frango combina com caldo de frango, o de carne combina com caldo de carne, e assim sucessivamente)
- sal e pimenta-do-reino a gosto

preparo:
- refogue o alho e a cebola com a salsa e a cebolinha, sal e pimenta.
- inclua o frango e refogue.
- adicione 2 litros de água. tampe deixando um pedacinho aberto, e cozinhe por 25 minutos.
- prove para corrigir os temperos.
- retire os pedaços de frango (ou não, se preferir, pode picar o frango e deixar na sopa!) e coloque o capeletti. cozinhe pelo tempo do pacote.
- está pronta! sirva bem quentinha, com queijo ralado e mais pimenta-do-reino, se curtir. 

lasanha de berinjela e abobrinha com minas padrão light (serve 2 pessoas, 4 com algum acompanhamento)sei que to com algumas receitas pendentes, mas vou priorizar essa, por 2 motivos: 1- fez mega sucesso no instagram; 2- a minha querida professora de francês pediu :)essa foi dica da minha amiga roberta. eu queria algo simples e light, ela sugeriu essa lasanha que ela costuma fazer em casa. só que ela faz com presunto e carne moída, que eu excluí porque queria dividir com o marido. no final das contas não foi TÃO simples assim, mas ficou gostosa DEMÁS.ingredientes:- 1 berinjela enorme- 1 abobrinha enorme (ou, no meu caso, 1 e 1/2 pequenas)- queijo minas padrão (no meu caso, light) no olho- queijo parmesão (opcional)- meia lata de molho de tomate pronto (eu usei o hemmer já temperado com pedaços de cebola. mas você pode fazer o seu!)- azeite, sal e orégano a gosto- cebolinha para servirpreparo:- corte as berinjelas e abobrinhas em rodelas.- esquente bem uma frigideira, passe as fatias pela frigideira, tostando-as um pouco. não esqueça de virá-las, pra tostar dos dois lados. este processo não é obrigatório, mas deixa a lasanha mais gostosa :)- em uma assadeira, espalhe um pouco de molho de tomate. em cima da camada de molho, monte uma camada só de fatias de berinjela. tempere com um pouco de azeite e sal.- cubra com uma camada de queijo minas padrão, quantidade ao seu gosto. eu coloquei pouquito pra maneirar na gordura, e ficou delicioso mesmo assim. mas, normalmente, sou queijuda.- coloque então as fatias de abobrinha. do mesmo jeito que fez com a berinjela, tempere com azeite e sal.- repita todo o processo, a partir do molho. a minha lasanha ficou, então, com as seguintes camadas: molho, berinjela, queijo, abobrinha, molho, berinjela, queijo, abobrinha, molho e queijo, pra gratinar.- nessa última camada de queijo, dei uma caprichada, e coloquei também um pouquinho de parmesão. salpique orégano e leve ao forno preaquecido.- sirva com cebolinha picada e seja feliz!!* opção carnívora: faça como a roberta, e adicione uma camada de carne moída e/ou presunto.* opção com carboidrato: acho sempre que vai ficar incrível com um pouco de arroz integral. mas o marido provou com o purê de batata doce (do próximo post) e adorou!

lasanha de berinjela e abobrinha com minas padrão light (serve 2 pessoas, 4 com algum acompanhamento)

sei que to com algumas receitas pendentes, mas vou priorizar essa, por 2 motivos: 1- fez mega sucesso no instagram; 2- a minha querida professora de francês pediu :)
essa foi dica da minha amiga roberta. eu queria algo simples e light, ela sugeriu essa lasanha que ela costuma fazer em casa. só que ela faz com presunto e carne moída, que eu excluí porque queria dividir com o marido. no final das contas não foi TÃO simples assim, mas ficou gostosa DEMÁS.

ingredientes:
- 1 berinjela enorme
- 1 abobrinha enorme (ou, no meu caso, 1 e 1/2 pequenas)
- queijo minas padrão (no meu caso, light) no olho
- queijo parmesão (opcional)
- meia lata de molho de tomate pronto (eu usei o hemmer já temperado com pedaços de cebola. mas você pode fazer o seu!)
- azeite, sal e orégano a gosto
- cebolinha para servir

preparo:
- corte as berinjelas e abobrinhas em rodelas.
- esquente bem uma frigideira, passe as fatias pela frigideira, tostando-as um pouco. não esqueça de virá-las, pra tostar dos dois lados. este processo não é obrigatório, mas deixa a lasanha mais gostosa :)
- em uma assadeira, espalhe um pouco de molho de tomate. em cima da camada de molho, monte uma camada só de fatias de berinjela. tempere com um pouco de azeite e sal.
- cubra com uma camada de queijo minas padrão, quantidade ao seu gosto. eu coloquei pouquito pra maneirar na gordura, e ficou delicioso mesmo assim. mas, normalmente, sou queijuda.
- coloque então as fatias de abobrinha. do mesmo jeito que fez com a berinjela, tempere com azeite e sal.
- repita todo o processo, a partir do molho. a minha lasanha ficou, então, com as seguintes camadas: molho, berinjela, queijo, abobrinha, molho, berinjela, queijo, abobrinha, molho e queijo, pra gratinar.
- nessa última camada de queijo, dei uma caprichada, e coloquei também um pouquinho de parmesão. salpique orégano e leve ao forno preaquecido.
- sirva com cebolinha picada e seja feliz!!

* opção carnívora: faça como a roberta, e adicione uma camada de carne moída e/ou presunto.
* opção com carboidrato: acho sempre que vai ficar incrível com um pouco de arroz integral. mas o marido provou com o purê de batata doce (do próximo post) e adorou!

carne moída, “purê” de batata doce com wasabi e vagem francesa refogada com cebola e balsâmico (serve 3 pessoas)há pouco tempo, minha mãe tinha feito um almoço a partir de uma receita que ela viu na revistinha do wine club. quando eu cheguei na casa dela, ela me contou o que tinha: costelinha de porco assada e purê de batata doce com dijon. eu, ridícula que sou, dei uma torcida de nariz, com aquele preconceito de criança: “não curto batata doce”. como sou uma pessoa mudada, logo percebi que aquela torcida de nariz não fazia mais nenhum sentido, e logicamente provei. paixão à primeira garfada! pouco depois, em uma conversa com amigos num domingo, eles comentaram que tinham provado um purê com wasabi maravilhoso. todo o sentido!! a dijon faz mais ou menos o mesmo efeito do wasabi, e eu que já sou fã dele…aí lá fui eu, comprar batata doce no hortifruti, pra fazer o purê em casa. há muito tempo não comia carne moída, e amo essas vagens finas que estão na moda (amo moda de comida). o purê eu fiz com base na receita da minha mãe. só que ele leva manteiga, e eu substituí por azeite (ou seja, vegano!). a carne moída eu temperei bem a conselho da minha amiga beta (novamente!) e a vagem francesa eu fiz da minha cabeça mesmo."purê" de batata doce com wasabiingredientes:- 500g de batata doce (eu usei 3) descascadas e cortadas em pedaços grandes- 1 colher de sopa de wasabi em pó (coloque ao seu gosto, melhor começar com menos e ir dosando)- cebolinha picada- azeite e sal a gostopreparo:- cozinhe as batatas cortadas em água salgada fervendo por mais ou menos 30 minutos, ou quando estiverem bem macias.- antes de escorrer a batata, separe 3 colheres de sopa da água da fervura. misture o wasabi com um pouco de azeite e sal.- jogue um pouco de azeite nas batatas e amasse-as com um garfo.- inclua a mistura de wasabi, acerte os temperos e adicione a cebolinha picada.* depois de frio, o purê fica com uma consistência mais pedaçuda. mas é só esquentar que ele fica mais cremosinho de novo!carne moída temperadaingredientes:- 400g de patinho moído light (ou a carne moída de sua preferência, pode ser frango!)- 1 tomate sem sementes e bem picado (com casca)- 1/4 de abobrinha ralada, ou picada fininha- 1 dente grande de alho picado ou amassado- cebolinha picada- 1 colher de chá cheia de páprica picante- pimenta-do-reino e sal a gostopreparo:- tempere a carne crua com sal e pimenta-do-reino.- adicione os legumes picados e a cebolinha e misture bem (com as mãos mesmo!).- jogue na panela sem nenhuma gordura. vá mexendo e inclua a páprica.- mexa bem, até que a carne fique bem moreninha e cozida.vagens finas refogadas com cebola e balsâmicoingredientes:- 2 punhados grandes de vagem (uns 200g)- 1 cebola média cortada à julienne- um pouco de azeite- sal e pimenta calabresa a gosto- vinagre balsâmicopreparo:- refogue a cebola com azeite, sal e pimenta calabresa. pode colocar bem pouco azeite, apenas o suficiente pra cebola não grudar.- quando estiverem bem transparentes, adicione a vagem (não precisa cozinhar na água antes) e bastante vinagre balsâmico. mexa bem.- tampe e deixe cozinhar por em torno de 15 minutos. ou fique mais ou menos de olho, o objetivo é ter as vagens macias e pintadinhas de marrom!e é isso! sirva tudo junto, tipo no meu prato.** versão vegetariana: substitua a carne pela lasanha do último post. foi o que o fanta fez! ou então faça os legumes grelhados e tenha um pratito totalmente vegano :)** não tem wasabi? substitua por 2 colheres de sopa de mostarda dijon.** quer mais cremosidade no purê? ao invés do azeite, coloque 2 colheres de sopa de manteiga.

carne moída, “purê” de batata doce com wasabi e vagem francesa refogada com cebola e balsâmico (serve 3 pessoas)

há pouco tempo, minha mãe tinha feito um almoço a partir de uma receita que ela viu na revistinha do wine club. quando eu cheguei na casa dela, ela me contou o que tinha: costelinha de porco assada e purê de batata doce com dijon. eu, ridícula que sou, dei uma torcida de nariz, com aquele preconceito de criança: “não curto batata doce”. como sou uma pessoa mudada, logo percebi que aquela torcida de nariz não fazia mais nenhum sentido, e logicamente provei. paixão à primeira garfada! pouco depois, em uma conversa com amigos num domingo, eles comentaram que tinham provado um purê com wasabi maravilhoso. todo o sentido!! a dijon faz mais ou menos o mesmo efeito do wasabi, e eu que já sou fã dele…

aí lá fui eu, comprar batata doce no hortifruti, pra fazer o purê em casa. há muito tempo não comia carne moída, e amo essas vagens finas que estão na moda (amo moda de comida). o purê eu fiz com base na receita da minha mãe. só que ele leva manteiga, e eu substituí por azeite (ou seja, vegano!). a carne moída eu temperei bem a conselho da minha amiga beta (novamente!) e a vagem francesa eu fiz da minha cabeça mesmo.

"purê" de batata doce com wasabi

ingredientes:
- 500g de batata doce (eu usei 3) descascadas e cortadas em pedaços grandes
- 1 colher de sopa de wasabi em pó (coloque ao seu gosto, melhor começar com menos e ir dosando)
- cebolinha picada
- azeite e sal a gosto

preparo:
- cozinhe as batatas cortadas em água salgada fervendo por mais ou menos 30 minutos, ou quando estiverem bem macias.
- antes de escorrer a batata, separe 3 colheres de sopa da água da fervura. misture o wasabi com um pouco de azeite e sal.
- jogue um pouco de azeite nas batatas e amasse-as com um garfo.
- inclua a mistura de wasabi, acerte os temperos e adicione a cebolinha picada.
* depois de frio, o purê fica com uma consistência mais pedaçuda. mas é só esquentar que ele fica mais cremosinho de novo!

carne moída temperada

ingredientes:
- 400g de patinho moído light (ou a carne moída de sua preferência, pode ser frango!)
- 1 tomate sem sementes e bem picado (com casca)
- 1/4 de abobrinha ralada, ou picada fininha
- 1 dente grande de alho picado ou amassado
- cebolinha picada
- 1 colher de chá cheia de páprica picante
- pimenta-do-reino e sal a gosto

preparo:
- tempere a carne crua com sal e pimenta-do-reino.
- adicione os legumes picados e a cebolinha e misture bem (com as mãos mesmo!).
- jogue na panela sem nenhuma gordura. vá mexendo e inclua a páprica.
- mexa bem, até que a carne fique bem moreninha e cozida.

vagens finas refogadas com cebola e balsâmico

ingredientes:
- 2 punhados grandes de vagem (uns 200g)
- 1 cebola média cortada à julienne
- um pouco de azeite
- sal e pimenta calabresa a gosto
- vinagre balsâmico

preparo:
- refogue a cebola com azeite, sal e pimenta calabresa. pode colocar bem pouco azeite, apenas o suficiente pra cebola não grudar.
- quando estiverem bem transparentes, adicione a vagem (não precisa cozinhar na água antes) e bastante vinagre balsâmico. mexa bem.
- tampe e deixe cozinhar por em torno de 15 minutos. ou fique mais ou menos de olho, o objetivo é ter as vagens macias e pintadinhas de marrom!

e é isso! sirva tudo junto, tipo no meu prato.

** versão vegetariana: substitua a carne pela lasanha do último post. foi o que o fanta fez! ou então faça os legumes grelhados e tenha um pratito totalmente vegano :)
** não tem wasabi? substitua por 2 colheres de sopa de mostarda dijon.
** quer mais cremosidade no purê? ao invés do azeite, coloque 2 colheres de sopa de manteiga.